55 41 3014-0381

contato@caddan.com.br

Nesta época do ano, muitos alunos que estão finalizando o ensino médio estão indecisos quanto à opção da área, do curso a ser escolhido para a inscrição no vestibular ou em algum curso técnico.

Temos no Brasil, atualmente, uma imensa possibilidade de novos empregos, salientados pela viabilidade do mercado, novas perspectivas e por aí vai.

Essa é a realidade, temos várias oportunidades de emprego, tanto pela iniciativa privada quanto pela pública, mas qual será o melhor caminho a percorrer? Qual será a escolha certa?

Se puder contribuir com algo para esta faixa de idade, é o seguinte: o caminho a seguir é o de começar a saber quem você é. Hoje, existem vagas para profissionais como engenheiros, administradores, enfermeiros, como várias outras para atender a demanda atual. No entanto, já está sendo sinalizado que existirá no futuro uma expectativa para novas profissões e que tudo indica que, a escolha que você fizer hoje vai lhe permitir continuar neste mercado de trabalho no futuro.

Este artigo pode dar a impressão de que estou me dirigindo apenas a esta faixa de idade, que está na escolha do caminho profissional a ser seguido, no entanto, dirijo este artigo também a você que é professor, orientador, tutor, pais, tios e que tenham por perto pessoas a serem orientadas.

Se você tem alguém por perto que merece apoio e orientação, é importante que você possa ser um elo facilitador.

Muitos estudantes precisam entender que esta é uma fase em que nos deparamos com uma das nossas primeiras escolhas na vida e que isto será uma constante, e que está apenas no início.

Para quem se interessa em conhecer as novas tendências profissionais, uma pesquisa britânica citou as profissões mais comentadas: a Nanomedicina, Cirurgiões que ampliem a memória, Policiais do Clima e Guias Turísticos Espaciais. O estudo ouviu 486 especialistas de 58 países, em cinco continentes, e foram levados em consideração fatores econômicos, políticos, sociais, demográficos, ambientais e científicos.

Os desafios apresentados no futuro estão relacionados às mudanças climáticas, a escassez de água e de alimentos. Além disso, o crescimento e o envelhecimento da população devem ser levados em conta, pois teremos, segundo as Nações Unidas, a previsão de que a população chegue a 9,1 bilhões até 2050. O que ocasionará uma pressão aos governos, empresas e famílias a lidar com o envelhecimento.

Segundo o estudo, as 20 profissões mais importantes indicam uma tendência em combinar qualificações e habilidades de disciplinas diferentes.

Como mais uma contribuição, menciono uma parte de uma palestra de Nizan Guanaes, um empresário de São Paulo, a um grupo de formandos, cujo discurso era mais ou menos o seguinte: paute suas escolhas profissionais no que você realmente gosta de fazer, não coloque o dinheiro ou fatores econômicos como o dado mais importante para as suas escolhas na vida, num primeiro momento e, por último disse: pense no país!

O que ele quis dizer nesta linha é que suas escolhas podem fazer muita diferença para você, como para todos nós.

Daniela Leluddak é palestrante, consultora, coach, orientadora de carreiras e colunista do Jornal Paraná Shimbun (Londrina) e da Oficina do Estudante (Campinas). Estudiosa da Filosofia Seiwajiuku a utiliza como um dos pilares em seu trabalho. É sócia-diretora da Caddan Empresarial e presidente da Caddan Brasil (www.caddanbrasil.org.br) uma organização civil de interesse público.

Está procurando uma empresa especializada em programas de sucessão, programas de coaching, auxílio de composição de equipes e orientação de carreira?
Entre em contato com a Caddan Empresarial.